quarta-feira, 30 de setembro de 2009

Tannat Aurora é destaque da Safra 2009

A Aurora, vinícola mais premiada do Brasil, foi mais uma vez reconhecida na Avaliação Nacional de Vinhos, principal evento de avaliação do vinho brasileiro. A Aurora classificou o Tannat entre os 16 vinhos mais representativos do ano e mais oito amostras, nas variedades Ancellotta, Cabernet Franc, Cabernet Sauvignon, Tannat e Teroldego, entre as 30% mais representativas da Safra 2009. Foram analisadas 308 amostras de 70 vinícolas.

Os vinhos passaram pela avaliação às cegas de 81 enólogos, pela Associação Brasileira de Enologia (ABE), entidade promotora do evento, com a coordenação técnica da Embrapa Uva e Vinho. Cada uma das 16 melhores amostras foi comentada em um painel formado por especialistas da Alemanha, Argentina, Austrália, Bolívia, Brasil, Chile, França e Inglaterra. Os vinhos foram avaliados durante três semanas, em 15 sessões, entre os dias 17 de agosto a 4 de setembro de 2009, no Laboratório de Análise Sensorial da Embrapa Uva e Vinho.

segunda-feira, 28 de setembro de 2009

Um Brinde aos noivos com Espumantes .Nero

A organização de uma festa de casamento é cheia de detalhes complexos necessários para o seu sucesso. Neste momento os espumantes ou champagnes estão sempre presentes e sua escolha deve ser feita com o mesmo cuidado que é destinado à escolha do Buffet, das flores e do bolo, por exemplo.

O Brasil é um excelente produtor de espumantes e tem tido reconhecimento de sua qualidade no exterior e até na França, em sucessivos concursos internacionais. A linha de espumantes .Nero, da empresa Domno do Brasil, é um destes espumantes bem conceituados que o Brasil produz, a preços bem acessíveis. São excelentes opções para as festas, casamento e comemorações que pedem um brinde especial.


Para acompanhar o coquetel, os espumantes .Nero Brut e o .Nero Extra Brut são os mais adequados. Com baixo teor de açúcar em sua composição, combinam perfeitamente com alimentos salgados, deixando uma refrescante sensação na boca. Durante uma festa, coquetel ou mesmo jantar, acompanham perfeitamente a refeição inteira. Mas para as noivas que desejam um toque de romantismo, o espumante .Nero rosé. Os Espumantes rosés, há algum tempo, se tornaram os favoritos em casamentos pelo extremo charme de sua cor delicada e sensual. O .Nero Rosé já encanta pela visão, na boca envolve o paladar pelo seu sabor surpreendente e prazeroso.

Para um outro tipo de festa, muito comum em comemorações de casamentos, o tradicional bolo com Champagne, a compatibilização adequada com o espumante é essencial. A maioria das pessoas, inadvertidamente, opta por espumantes secos, os do tipo “brut”, que não combinam com sobremesas e doces. A bebida Ideal para acompanhar um bolo são os espumantes doces, do tipo Moscatel, como no .Nero Moscatel. Feitos da uvas moscato, fruta naturalmente mais doce, harmoniza perfeitamente na boca quando provada com bolo e os deliciosos docinhos de casamento, tornando assim o seu momento especial, mesmo que num simples brinde, inesquecível.

Para a turma jovem criar um momento ainda mais moderno, as garrafinhas com 187 ml (Brut e Moscatel) têm sido muito usadas em festas e baladas, sendo tomada com canudo, um charme a parte na festa de casamento da turma jovem e descolada.


Tecnologia da Vinícola Garibaldi é destaque entre jornalistas

Um grupo de jornalistas, de meios de comunicação de diversos Estados do Brasil, esteve conhecendo a estrutura e os produtos da Vinícola Garibaldi. Integrando o Projeto Imagem Nacional do Instituto Brasileiro do Vinho (Ibravin), a comitiva visitou a empresa no dia 25 de setembro, um dia antes da edição de 2009 da Avaliação Nacional de Vinhos.

Um dos itens que recebeu destaque foi o sistema de filtragem utilizado para os espumantes. O grupo fez questão de conhecer o filtro fito-tangencial, adquirido este ano, que faz da Vinícola Garibaldi uma das poucas no país a utilizar este processo, considerado um dos mais modernos do mundo e grande novidade tecnológica do setor.

“Este sistema é outro ponto forte que garante a qualidade dos espumantes da Garibaldi”, salientou o presidente da Vinícola, Oscar Ló em entrevista ao apresentador do programa Vinho à Mesa, da Rede TV, Elidio Lopes Cavalcanti, um dos integrantes da comitiva. Além dele também estiveram na vinícola profissionais dos Jornais do Comércio (Rio Grande do Sul e Pernambuco), Folha de São Paulo, Correio Braziliense, das revistas Produz, Wine Style, Mercado Gastronômico, DiVino, Gula, Continental Multicultural, Universo Masculino, Adega, dos sites jornal do vinho e vinhos do Brasil e do Senac de São Paulo.

Na ocasião, Ló também falou sobre as ações que estão sendo desenvolvidas para tornar seus produtos referência para os consumidores. “Os números da empresa no primeiro semestre de 2009 confirmam que este reconhecimento tem sido traduzido em resultados. Nos seis primeiros meses do ano registramos um crescimento superior a 30% em relação ao mesmo período do ano passado”, destacou.

Além dos espumantes Garibaldi (Chardonnay, Prosecco e Moscatel), também houve degustação do suco de uva orgânico Da Casa e do vinho Acquasantiera Lorena Ativa, elaborado em parceria com a Embrapa com tecnologia inédita no Brasil. O coordenador de marketing e técnico em enologia, Maiquel Vignatti, apresentou as especificações técnicas de cada produto, além de métodos de elaboração e estatísticas de mercado.

Perini classifica 15 vinhos e seu Moscato R2 é agraciado como mais representativo da variedade

A Vinícola Perini é uma gigante que está constantemente aprimorando seus produtos, prova de seu trabalho árduo e contínuo se deu nesta XVII avaliação nacional, que dos 308 vinhos avaliados por 80 enólogos e dentro dos 30% mais representativos teve 15 amostras selecionadas (no evento realizado no último sábado, em Bento Gonçalves).

Entre as 15 amostras selecionadas da Perini está a variedade Moscato R2, que foi a mais representativa da categoria Branco Fino Seco Aromático e tem 100% da sua variedade utilizada no espumante premium Perini Moscatel 10 e uma porcentagem na elaboração do Vinho Jota Pe Moscato. Mais da metade da produção de Moscato R2 do Brasil está concentrada em Farroupilha, onde está localizada a Vinícola.

Das outras 14 amostras escolhidas fazem parte as variedades Chardonnay/Trebbiano/Pinot Noir, Ancellottta, Cabernet Franc, Cabernet Sauvignon, Chardonnay, Marselan, Merlot, Riesling Itálico e Tannat.

Fonte: Communicative+Ideale

Os resultados da XVII Avaliação Nacional

Vinho base para espumante:
1. Chardonnay / Pinot Noir - Vinícola Miolo
2. Chardonnay / Pinot Noir - Cave de Amadeu

Vinho Branco Fino Seco Não Aromático
3. Riesling Itálico - Pernod Ricard Brasil
4. Riesling Renano - Vinícola Campestre
5. Chardonnay - Vinícola Goes & Venturini
6. Chardonnay - Cooperativa Vitivinícola Aliança

Vinho Branco Fino Seco Aromático
7. Sauvignon Blanc - Salton
8. Mostaco R2 - Vinícola Perini

Vinho Rosé Seco
9. Merlot / Cabernet Sauvignon - Vinícola Pericó

Vinhot Tinto Fino Seco Jovem
10. Pinot Noir - Fortaleza do Seival

Vinho Tinto Fino Seco
11. Merlot - Lovara Vinhos Finos
12. Merlot - Rasip Agropastoril
13. Cabernet Sauvignon - Vinícola Santo Emílio
14. Tannat - Cooperativa Vinícola Aurora
15. Ancellotta - Vinícola Don Guerino
16. Ancellotta - Catafesta Indústria de Vinhos

Estes foram os 16 mais representativos da Safra 2009.
O evento foi muito bem organizado, alguns destaques que chamaram minha atenção:
- lançamento de novas taças específicas para degustação de Vinhos e Espumantes Brasileiros;
- prestem atenção na lista acima, sutilmente falando a Miolo levou 4 vinhos destaques (base espumante, vinho jovem, 2 vinhos tintos, através de todas as empresas de que são responsáveis) isso é de ser muito bem observado, não é só uma potência em vinhos, trabalha muito e com o devido reconhecimento.
- pequenos produtores estão se dedicando a produzir com qualidade, os pequeninos que foram destaque não só nos 16 mais mas tb nos 30% são pequenos que estão trabalhando direitinho.
- tanto nos 16 como nos 30% mais representativos não listados aqui, surgem novos nomes de diversar regiões produtoras.
- existe muito espaço para vinho nacional, desde que tenha qualidade e óbivamente bons preços é o que todos meus amigos comentavam nas rodas por onde passei.

2009 tem ótimos vinhos, que devem chegar ao mercado sendo ótimos e obrigatóriamente deverão tem ótimos preços senão o trabalho lá na origem não vai servir em nada e o público não vai comprar ....

Meus adds... é isso!

sexta-feira, 25 de setembro de 2009

Jornalistas destacam qualidade dos vinhos Salton

Profissionais de veículos nacionais e internacionais estiveram na empresa nesta quarta-feira e puderam apreciar os principais rótulos da vinícola

A Salton recebeu nesta quarta-feira, 23 de setembro, um grupo de jornalistas internacionais integrantes do Projeto Imagem-Wines From Brazil, promovido pela Agência Brasileira de Promoção de Exportações e Investimentos (Apex-Brasil) e pelo Instituto Brasileiro do Vinho (Ibravin) para a promoção de exportações de vinhos finos brasileiros. Os profissionais, que representam veículos de diferentes locais do mundo, como Polônia, Alemanha, Reino Unido, Dinamarca e Austrália, ficaram surpresos tanto pela estrutura da Salton como pelos produtos.

Impressionante! Eu visito 100 vinícolas por ano, e a Salton é a maior em que já estive. Causa impacto quando abre a porta para a linha de produção. Impressiona a organização, a limpeza, aromas únicos no ambiente. Confesso que esperava por uma vinícola de menor porte, como Argentina e Chile. Foi uma grande surpresa", afirmou Tomasz Prange-Barczynski, do Magazine Wine (Polônia). O jornalista também destacou a qualidade dos produtos: Gostei muito dos vinhos, especialmente da habilidade e da qualidade de elaboração. Apreciei muito o Series Cabernet Franc e o Teroldego, principalmente pelo respeito ao caráter natural das variedades, o que não é algo que se costume verificar. Os produtos superpremium (Salton Talento e Salton Desejo) estão perfeitos. Irão agradar em qualquer parte do mundo."

A mesma impressão teve Ilka Lindermann, das publicações Wine Business International e Mundusvini Internacional Wine Award, da Alemanha. “Eu realmente esperava uma vinícola menor, mas a alta tecnologia na produção é algo impressionante, e a idéia de ver tudo de cima é fantástico. Percebe-se que a Salton é uma empresa com mente aberta e receptiva aos visitantes. Os tintos Talento e o Merlot Desejo são excelentes.”

À noite, foi a vez dos jornalistas brasileiros serem recebidos na vinícola. Doze profissionais de veículos como Folha de São Paulo, Correio Brasiliense, Revista Adega, Rede TV, puderam conhecer a maior produtora de espumantes do país e líder na comercialização do produto há cinco anos consecutivos. Além de degustar os principais rótulos da Salton, o grupo pode saborear um jantar típico da Serra Gaúcha, servido na cave da vinícola.

“É sempre um prazer voltar à Salton, uma das vinícolas nacionais mais progressistas. Faz grandes investimentos e acredita no setor”, afirmou Bruno Viana, que escreve para as revistas Wine Style e Mercado Gastronômico. “Magnífico”, foi a exclamação do apresentador do programa Terroir Vinhos, na Rede TV, Elidio Lopes Cavalcanti, ao conhecer a cave das bordalesas, onde descansam os vinhos mais nobres da Salton.

O presidente da empresa, Daniel Salton, destacou a importância de ações semelhantes, promovidas pelo Wines From Brazil, para a divulgação do produto brasileiro, que hoje mostra muito mais que potencial. “As conquistas nos concursos internacionais têm destacado a qualidade do nosso produto e encaminhando-o para uma consolidação no mercado mundial.”

Salton apoia evento beneficente de Santa Maria

Tradicional festa Maristela&Conexão acontece no dia 26 de setembro, no Avenida Tênis Clube e irá recepcionar solidários com espumantes Salton

Integrada às ações solidárias promovidas no Estado, a Salton será apoiadora da festa Maristela & Conexão, que acontece no dia 26 de setembro, a partir das 21h30min, no Avenida Tênis Clube. Promovida pela colunista social Maristela Moura, do Diário de Santa Maria, o esperando evento beneficente reúne os vips da cidade e da região em uma noite especial. Em sua sétima edição, a festa terá renda revertida para três entidades assistenciais: Centro de Apoio à Criança com Câncer, Asilo Vila Itagiba e Abrigo Espírita Oscar José Pithan.

Os espumantes Salton Brut e Salton Moscatel irão embalar a noite, que terá como principal atração o show nacional do cantor Wando. A dupla Dedé e Gibão, e o DJ Gerson Druzian também prometem animar os convidados, que devem chegar a 600 pessoas. Além da programação artística, o público será recepcionado por sete ilhas temáticas de alimentação: finger foods, japonesa, fundo do mar, medieval, pastas, sobremesa e espaço gourmet gold. Quem aproveitar a festa durante a madrugada também poderá saborear um café da manhã especial, a partir das 5h.

quarta-feira, 23 de setembro de 2009


Pesquisa feita no Instituto de Cardiologia de Porto Alegre ainda aponta que atividade física combinada ao consumo moderado de vinho tinto pode melhorar o desempenho físico e reduzir a pressão arterial

O consumo moderado de vinho aliado à prática de exercício físico aumenta a produção do colesterol bom (HDL), que remove o colesterol ruim (LDL) do organismo. E mais: o desempenho físico pode melhorar e a pressão arterial diminuir com a combinação de atividade física com consumo moderado de vinho tinto. É isso que comprovou o estudo experimental realizado no Instituto de Cardiologia de Porto Alegre, por uma equipe coordenada pelo mestrando Paulo Roberto Soares Filho, sob a orientação do médico cardiologista Iran Castro. O experimento foi realizado com o vinho tinto Dall Pizzol Cabernet Sauvignon.

A defesa pública da dissertação de mestrado ocorreu nesta segunda-feira (21), no Anfiteatro do Centro Cultural Rubem Rodrigues, em Porto Alegre. “Os resultados demonstraram um interessante efeito potencializador na elevação do colesterol bom (HDL) nos ratos que receberam as duas intervenções (vinho e exercício), em comparação com os demais grupos, que tiveram atividade física ou consumo de vinho de forma isolada”, conta o professor de Educação Física, Paulo Soares.

O estudo inédito realizado no Instituto de Cardiologia de Porto Alegre teve o objetivo de conjugar dois fatores que beneficiam o melhor funcionamento do sistema cardiovascular. Assim, uniu-se o exercício físico, que atua na prevenção e tratamento de diversas doenças cardíacas, com o consumo moderado de vinho tinto, que possui efeito cardioprotetor cientificamente comprovado, em parte devido ao álcool como também pela ação dos polifenóis (resveratrol). “Procuramos analisar a resposta desta combinação frente à pressão arterial, HDL (colesterol bom), desempenho físico e mecânico do coração de ratos hipertensos submetidos a um programa de treinamento físico e suplementados com vinho tinto em doses moderadas”, explica Paulo Soares.

Para mensurar com a maior precisão possível os efeitos destas duas intervenções, a amostra do estudo foi dividida em quatro grupos de ratos hipertensos: o Grupo Controle (GC), o Grupo Exercício (GE, que realizou treinamento físico), o Grupo Vinho (GV, que recebeu doses moderadas de vinho tinto) e o Grupo Exercício e Vinho (GEV, que realizou treinamento físico e recebeu doses moderadas de vinho tinto). “O efeito da associação entre o consumo moderado de vinho tinto combinado com a prática de atividade física não está descrito ainda na literatura médica e científica”, observa Paulo Soares.

Ele lembra que as doenças cardiovasculares são consideradas a maior causa de morte no Brasil, totalizando 33,3% dos óbitos ocorridos no Brasil em 2008. Por este motivo, diz o pesquisador, procurar alternativas de tratamentos não-farmacológicos e medidas preventivas podem tornar tratamentos futuros mais eficientes e reduzir custos médicos e socioeconômicos.

Desempenho físico
O grupo que realizou treinamento físico e tomou vinho tinto apresentou um aumento de 62,6% na distância percorrida entre o primeiro e último teste realizado, ante 60,5% feito pelos ratos que só fizeram exercício físico. “Precisamos realizar testes mais conclusivos, também em humanos e por um período de tempo maior, porque o indicativo é de que a combinação de vinho e exercício pode sim ser benéfica à melhoria do desempenho físico”.

Pressão arterial
Os ratos submetidos a exercício físico e consumo moderado de vinho tinto ainda tiveram a sua pressão arterial diminuída. Com a idade, a propensão dos ratos SHR é de ter a pressão arterial aumentada naturalmente. E foi justamente isso que ocorreu com os ratos que não ganharam vinho nem fizeram exercício. “Os grupos de ratos que consumiram, isoladamente, vinho, ou fizeram, também isoladamente, atividade física, igualmente baixaram a pressão arterial”, informa Paulo Soares. A redução do grupo GVE (vinho e exercício combinado) foi maior.

“Queremos agora fazer estes testes em pessoas para poder aferir, com maior precisão, a possibilidade de termos maiores benefícios com o consumo de vinho tinto e exercício físico”, afirma o pesquisador.

Saiba mais
A pesquisa lembra que o consumo moderado de álcool causa aumento nos níveis de colesterol bom (HDL) em até 12%. Os polifenóis presentes no vinho tinto parecem não exercer influência nos níveis de HDL, porém, desempenham papel cardioprotetor, promovendo ação anti-trombótica e redução de placas nas veias coronárias. A importância deste estudo justifica-se na medida em que há poucas evidências científicas sobre o consumo de vinho tinto associado ao exercício físico e a relação com o sistema cardiovascular.

Amostra e Métodos
A amostra do estudo foi composta por 32 ratos SHR, que desenvolvem hipertensão com o passar da idade. O treinamento físico teve duração de 10 semanas. Os ratos, com três meses de idade, foram distribuídos em quatro grupos experimentais, grupo vinho e exercício (GVE), grupo vinho (GV), grupo exercício (GE) e grupo controle (GC). Doses de vinho de 3,715ml/kg/dia foram administradas através de gavagem, durante as 10 semanas. O treinamento físico respeitou os limites de 40 a 70% da capacidade máxima. Os níveis séricos de HDL foram analisados e comparados ao final do estudo.



Defesa pública
O trabalho de Paulo Roberto Soares Filho está inscrito no Programa de Pós-graduação em Ciências da Saúde – Cardiologia, do Instituto de Cardiologia do Rio Grande do Sul – Fundação Universitária de Cardiologia. A orientação é do professor doutor Iran Castro. A banca examinadora foi formada pelo professor dr. Georg Klemt (Faculdade Sogipa de Educação Física), professora dr. Kátia Vianna Rigatto (UFCSPA), professora dra. Vera Lúcia Portal (IC/FUC), professor dr. José Luiz da Costa Vieira, suplente (IC/FUC).

Ótimas curiosidades: Começa o Projeto Imagem para oito jornalistas internacionais

Reino Unido, Alemanha, Dinamarca, Polônia, Austrália e Holanda são a procedência dos convidados do Instituto Brasileiro do Vinho, por meio do projeto Wines From Brazil, para conhecer vinhos e espumantes produzidos na serra gaúcha

Oito jornalistas de seis países iniciaram, nesta segunda-feira (21), a participação no Projeto Imagem, promovido pelo Instituto Brasileiro do Vinho (Ibravin), por meio do Wines From Brazil, realizado em parceria com a Agência Brasileira de Promoção de Exportações e Investimentos (Apex-Brasil). A programação, que inclui visitas técnicas por empresas e instituições da serra gaúcha, segue até o próximo sábado (26), com a presença dos jornalistas estrangeiros na 17ª Avaliação Nacional de Vinhos da safra 2009, no Parque da Fenavinho, em Bento Gonçalves.

Entre os presentes do Reino Unido, Alemanha, Dinamarca, Polônia, Austrália e Holanda, está o escritor inglês Stuart Donald George, que integrou a lista de 44 especialistas que escreveram o livro “1.001 vinhos para provar antes de morrer”, editado por Neil Beckett. O projeto prevê visitas técnicas e harmonizações de vinhos e espumantes da Lidio Carraro, Aurora, Miolo Wine Group, Salton, Casa Valduga, Panizzon, Don Guerino, Boscato, Dal Pizzol, Lovara e Don Laurindo.

Origem
Da Alemanha, vieram dois jornalistas, Ilka Lindemann, editora da revista Weinwelt, e Michael, free-lancer que escreve para várias revistas alemãs especializadas sobre vinhos. Da Holanda, veio o editor Jacobus Mattheus Andrianus Maria Hermus, que escreve para os jronais “Dagblad van her Noorde”, “Geassocieerde Persdienten” e “Noorderland and Bouillon Magazine”. O representante da Polônia é Tomasz Prange-Barczynski, colunista da “ Magazyn Wino”, “Newsweek Poland”, “Playboy Poland” e “Radio PIN Wasaw”.

O grupo internacional ainda é formado por Jane Egginton, do Reino Unido, jornalista independente que escreve para “Michelin Publishing”, “World Travel Guides”, “The Guardian” e “The Observer”. A Dinamarca está representada por Jorgen Monster Pedersen, do jornal “Politiken”, “Bedre + Smag&Behag” e “Vinforum”. Por fim, o jornalista australiano que mora no Brasil, Simon Thomas Tarmo, que escreve para a “Wine Business International”.

Programação
O Projeto Imagem começou, nesta segunda-feira (21), com almoço no Spa do Vinho e jantar no Casa Curta, com harmonização dos vinhos e espumantes da Lidio Carraro. Nesta terça-feira (22), o grupo assiste a uma apresentação na Embrapa Uva e Vinho e faz visitas a Aurora (com almoço) e Miolo Wine Group (com jantar). Na quarta-feira (23), os jornalistas conhecerão a Salton (com almoço) e a Casa Valduga. O jantar será na Primo Camillo, pizzas harmonizadas com vinhos e espumantes da Panizzon.

Na quinta-feira (24), o dia começa na Don Guerino (com almoço), continua pela Boscato e termina com um jantar de ostras na Domno, a cargo da equipe do restaurante de Florianópolis “Ostradamus”. Na sexta-feira, a agenda inicia pela Dal Pizzol (com almoço). À tarde, ocorre o seminário “Oportunidades para os vinhos brasileiros nos mercados estrangeiros”, com a participação dos jornalistas internacionais, que darão depoimentos sobre a realidade do mercado em seus países e acerca da percepção deles sobre os vinhos e espumantes do Brasil. À noite, acontecerá visita e jantar na Lovara. No sábado (26), o grupo participa da 17ª Avaliação Nacional de Vinhos e, à noite, jantar na Don Laurindo.
Fonte: Ibravin
ads: que programação de ouro.. que inveja saudável ... rs

Aromas e sabores da Primavera

A beleza da primavera invade as ruas e o aroma das flores dá um toque romântico ao clima agradável. A estação mais alegre e colorida é um convite para bebidas mais frescas e leves, como vinhos rosé e espumantes. A Vinícola Aurora tem excelentes dicas para a primavera dos apreciadores de vinhos.
Uma novidade que ganha mais adeptos a cada dia por sua versatilidade e adaptação à gastronomia é o Aurora Espumante Moscatel Rosé. Seu aroma é predominamente floral, adocicado, com toques interessantes de frutas como morango. Na boca é suave, equilibrado e refrescante. Ideal para momentos festivos e descontraídos. É uma ótima pedida para o happy hour com amigos, à beira da piscina ou como acompanhamento de sobremesas.
Para os mais românticos, a dica é o leve e aromático Espumante Aurora Moscatel. Vale também apostar no Aurora Espumante Prosecco, mais marcante e intenso, que acompanha muito bem aperitivos e pratos leves. Outra opção é um brinde com o Aurora Espumante Brut, elaborado exclusivamente com uvas Chardonnay.
O Vinho Aurora Reserva Chardonnay também é uma boa pedida para a primavera. A bebida apresenta tonalidade amarelo-palha, com reflexos esverdeados. É um vinho seco, brilhante e de muito frescor. E o Aurora Varietal Merlot Rosé, vinho de aroma frutado, macio e redondo ao paladar, cai bem em todos os momentos. Basta querer entrar no clima mais agradável do ano.
Fonte: Fatto

Aurora embarca vinhos finos para Angola

A Vinícola Aurora prepara o embarque para Angola de seus vinhos Aurora Varietal Chardonnay e Aurora Varietal Cabernet Sauvignon. Este é o segundo país africano a entrar para a pauta de exportações da Aurora, que já exporta para a Nigéria. Angola é o segundo novo mercado conquistado pela Aurora este ano, pois recentemente a maior vinícola brasileira exportou um contêiner para o Vietnã.

Fonte: Fatto

Moscatel Garibaldi conquista mais um Ouro

O espumante Moscatel Garibaldi foi novamente premiado com Medalha de Ouro em concurso internacional. Desta vez, a conquista aconteceu na Edição Brasil 2009, do Concurso Mundial de Bruxelas. Além da premiação com o Moscatel, a Vinícola Garibaldi também foi reconhecida pelo espumante Brut Rosé, que recebeu Medalha de Prata.

Dez jornalistas brasileiros e oito estrangeiros, de países como Inglaterra, Bélgica, República Tcheca, Argentina, Itália, Alemanha, Portugal e Estados Unidos provaram e analisaram às cegas, 142 amostras de vinhos finos (tintos, brancos, rose e espumantes) de 42 vinícolas brasileiras. Foi a maior quantidade de amostras inscritas nas seis edições já realizadas do evento.

O concurso foi realizado pela Vinopres e pela revista Vinho Magazine, com apoio do Ibravin, Apex, Sebrae, Empetur, Vinhovasf, Prefeitura de Petrolina, JB Hotel e Assitur.
Fonte: Cooperativa Garibaldi

segunda-feira, 21 de setembro de 2009

Espumante Aurora Moscatel é premiado em concurso na Alemanha

A participação da Vinícola Aurora no Concurso Mundus Vini, na Alemanha, rendeu mais uma medalha para o Espumante Aurora Moscatel no mês de setembro. Desta vez, o produto mais premiado da Aurora, e um dos espumantes brasileiros mais reconhecido em concursos internacionais, ficou com a medalha de prata, após passar pela avaliação de 275 degustadores de várias nacionalidades e competir com 5.700 amostras. Recentemente, o Aurora Moscatel também recebeu medalha de Ouro Duplo no Vinus - 6° Concurso Internacional de Vinos e Licores -, realizado em Mendoza, na Argentina.

O Espumante Aurora Moscatel é elaborado com uvas Moscato em processo semelhante ao dos Asti italianos, em que parte do açúcar da uva não se transforma em álcool, gerando uma bebida refrescante, naturalmente doce e com menor teor alcoólico em relação aos demais tipos de vinhos. É indicado para acompanhar sobremesas (em especial as à base de frutas), além de frutas secas e in natura. Alguns queijos, em especial os mais salgados, tem perfeita harmonização com a bebida.

Fonte: Fatto

Começa amanhã o Encontro Internacional de Vinhos - Pedra Azul...

Esse ano não deu... Quem sabe no ano que vem... Presente de Aniver?!

Foi no vinte de Setembro....

Porquê não? Sim... eu nasci no Vinte de Setembro precursor da liberdade.

(blog serve pra isso mesmo, é o meu diário sem ser diário, é meu faz tudo sem ser nada, é meu espaço onde ensino e aprendo ...)

Só tenho que utilizar esta ferramenta para agradecer todo carinho e os presentes (um melhor que o outro! Posso dizer um mais bebíbel que o outro... pois ganhei muitos espumantes, ah e um presente virtual, muito charmoso...) eis:

ps.: não é espumante ... é um champagne...

sexta-feira, 18 de setembro de 2009

Chateau Lacave....


Tá certo eu sentei torta, mas a cadeira é de rainha! rs E o lugar?
Bem o lugar é a entrada de uma ???
sim aquele lugar onde colocam o vinho para fermentar...
nesse caso feito de cimento com revestimento
em epoxi... uma coisa diferente!
lembrei o nome pileta! rs

O Resumo do serviço é:
Como fazer uma pessoa ter prazer, surpreendendo!


JANTAR ENOGASTRONÔMICO

Entrada:Alcachofras com presunto parma e gorgonzola

Espumante Brut Champenoise

Primeiro Prato:Congro com molho de camarões e musseline de mandioquinha

Reserva Chardonnay / Sauvignon Blanc

Segundo prato: Risoto de arroz preto com amêndoas crocantes

Detalhes Merlot

Terceiro Prato: Filé de cordeiro e polenta mole com gorgonzola

Reserva Anticuário

Sobremesa:

Tortinha de capuccino

Espumante Moscatel


Pontos:
- Vinhos cuidadosamente harmonizados;
- Todos os detalhes do serviço sabiamente aplicados;
- Produtos utilizados no jantar de primeira qualidade;

Confeço que a recepção feita por uma menininha que 'escoregava nos ere' e em alguns outros erros em palavras técnicas decoradas, de inicio pensei com meus botões... ai ai ai maaaaaaaas... sempre existe espaço para surpresas e elas vieram de forma beeeeeeeeeem gostosa que foi todo o jantar sabiamente harmonizado, rico em qualidade e detalhes preciosamente deliciosos.

Espumante Garibaldi Moscatel conquista mais um Ouro na Europa.

O Moscatel da Vinícola Garibaldi, novamente, foi o único espumante brasileiro a conquistar Medalha de Ouro em concurso realizado na Europa. O reconhecimento se deu na Alemanha durante o Concurso Mundus Vini, realizado de 28 a 30 de agosto e de 4 a 6 de setembro em Neustadt. O evento reuniu 5.720 amostras avaliadas por 275 degustadores de várias nacionalidades.

O produto, elaborado com uvas Moscato Bianco e Moscato Giallo, que já havia conquistado duas Medalhas de Ouro no Concurso Effervescents du Monde França, em 2007 e 2008, recentemente também foi premiada no Concurso San Francisco International Wine Competition (Estados Unidos), VI Concurso do Espumante Brasileiro e no Concurso Internacional de Vinhos do Brasil.

TOP FIVE – A Vinícola Garibaldi foi indicada como uma das cinco marcas mais lembradas do Brasil, na categoria espumante, em pesquisa realizada pela revista Supermercado Moderno. A consulta foi feita com 2.365 varejistas (diretores e gerentes de setores-chaves, como área de compras, gerenciamento por categoria e de lojas), que selecionaram 654 fornecedores de 182 categorias de produtos. Na pesquisa regional, reunindo os estados do Rio Grande do Sul, Santa Catarina e Paraná, a vinícola aparece em segundo lugar.

Jornalistas internacionais visitam a Vinícola Aurora


Ao longo do mês de setembro, jornalistas de vários países desembarcarão em Bento Gonçalves para conhecer as instalações da Vinícola Aurora, um dos destinos escolhidos na Serra gaúcha. O passeio faz parte do projeto Wines From Brazil, da Ibravin, em conjunto com a APEX, que tem como objetivo desenvolver e divulgar o setor vitivinícola brasileiro em todo o mundo, colaborando com a exportação e a disseminação da produção nacional. No último dia 11, esteve no Rio Grande do Sul um jornalista de Dubai, nos Emirados Árabes, local para onde a Aurora negocia a exportação de seus sucos de uva após conquistar recentemente a certificação Halal, que atesta o produto como lícito para consumo dos muçulmanos.

Também conhecerão a Vinícola Aurora jornalistas da Alemanha, Holanda, Polônia, Reino Unido, Dinamarca e Austrália. Durante a visita, farão o roteiro proposto pela Aurora e participarão de uma degustação especial, para atestar a excelência dos vinhos gaúchos.

Foto: Rosana Pasini (supervisora de exportação), Mathew Matheus e Nauro Morbini (Enólogo) – Crédito: Mailine Prezzi

Ibravin e Ibraf realizam workshop sobre proteção tecnológica para frutas e derivados

O Instituto Brasileiro do Vinho (Ibravin) e o Instituto Brasileiro de Frutas (Ibraf) promovem, nesta sexta-feira (18), um workshop com o engenheiro agrônomo espanhol Germán Canos, especialista em indústrias agroalimentícias, que abordará o tema “Proteção tecnológica, indicação geográfica e denominação de origem para frutas e derivados”. O evento está marcado para começar às 8 horas com término previsto para o meio-dia, no auditório da Embrapa Uva e Vinho, em Bento Gonçalves (Rua Livramento, 515).

O workshop é destinado a empresários, pesquisadores e estudantes que se interessem pelos mecanismos para proteção tecnológica, desenvolvimento de metodologias para obtenção de denominação de origem e indicação geográfica. O palestrante trará “cases” de sucesso na União Européia.

Germán Canos é técnico da União Européia e atualmente é professor de Tecnologia de Alimentos na Universidade de Córdoba, na Espanha, e diretor do Departamento do Grupo de Investigação de Tecnologia de Alimentos. É doutor em engenharia agrônoma pela Universidade Politécnica de Madrid. Nesta quinta-feira (17), ele reúne-se com a Aprovale e com a Embrapa.
Fonte: Ibravin

Correios em greve: veja quais são seus direitos

Como curiosidade, mas não sem importância, é bom fazer idéia do que é correto!


O diretor presidente do Instituto Brasileiro de Estudo e Defesa das Relações de Consumo – IBEDEC - Dr. José Geraldo Tardin alerta que a greve dos Correios não Isenta o consumidor de pagar seus débitos na data de vencimento.


· o consumidor que recebe boleto de cobrança pelo Correios não está isento de paga-lo na data do vencimento em virtude da greve;

· o consumidor deve entrar em contato com a empresa e solicitar a segunda via do boleto por email ou fax, para evitar a cobrança de eventuais encargos e cancelamentos;

· é recomendado que as empresas que enviam as cobranças por correspondências divulguem amplamente as alternativas disponíveis para pagamento;

· se após o contato do consumidor a empresa credora não disponibilizar nenhuma outra forma de pagamento e o consumidor receber a conta com a cobrança de encargos, os valores poderão ser questionados;

· o consumidor deve manter um agenda com a datas com os vencimentos de suas faturas regulares e se até a véspera do vencimento não recebeu o envio da fatura, deve manter contato com o seu credor anotando o numero de protocolo, o nome da atendente e o envio de um segunda via;

· os serviços contratados diretamente nos Correios, o IBEDEC orienta que, se houver atraso na entrega, o consumidor tem direito de pleitear ressarcimento dos prejuízos sofridos.



ATENÇÃO REDOBRADA.


O consumidor não pode ser prejudicado ou responder por qualquer prejuízo por problemas decorrente da greve. A responsabilidade dos Correios pelos prejuízos causados aos consumidores decorre do risco de sua atividade e não pode sobre qualquer pretexto ser repassado ao consumidor.

Suco de Uva Salton ganha nova tecnologia

A Salton inova na elaboração de seu suco de uva a partir de 2010, ano em que completa o seu primeiro centenário. Com o objetivo de atender à demanda, que cresce cada nova descoberta e divulgação dos benefícios do produto para a saúde, a vinícola de Bento Gonçalves investiu em 12 tanques, com capacidade para 660 milhões de litros, que permitirão o acondicionamento do suco durante todo o ano. Atualmente elaborado apenas durante a safra, para não perder o aroma e as propriedades da fruta, o Suco de Uva Salton poderá ser engarrafado durante todo o ano, de acordo com a comercialização, sem perder suas características originais.

O investimento vem ao encontro da ampliação no volume do produto, que a Salton projeta em 20% sobre os 2,2 milhões de garrafas colocadas à disposição do consumidor em março. No ano passado, mais de 43,4 milhões de litros de suco elaborados no Rio Grande do Sul foram comercializados no Brasil e no exterior, um incremento de 15,56% em relação a 2007 e de 144,15% quando comparado a 2003. A tendência, de acordo com o presidente da empresa, Daniel Salton, é que esse número continue a subir. “Por isso, precisamos estar preparados para atender à nova demanda com a mesma qualidade com que o suco chega hoje ao mercado.”

Os benefícios do produto para a saúde, especialmente com efeitos de antienvelhecimento e contra o câncer, aparecem como os principais motivos para os altos números. No caso do Suco de Uva Salton, o sabor é outro diferencial. Natural e integral, sem adição de açúcar ou de conservantes, o produto é elaborado com 100% de uvas americanas (Isabel e Concord). Apresenta tonalidade púrpura e aromas que remetem a frutas vermelhas e de compota. Na boca, a sensação é intensa de fruta fresca com boa acidez e açúcar equilibrado.

A qualidade do Suco de Uva Salton já rendeu à vinícola alguns destaques, como a distinção no Guia Quatro Rodas em degustação às cegas, quando foram avaliados sucos naturais de sete vinícolas do Rio Grande do Sul, principal Estado produtor da bebida.

Vinícola Garibaldi lança Espumantes Baby

Após conquistar vários prêmios em todo o mundo, os espumantes Garibaldi ganham uma nova versão em 187 mililitros

Já está saindo da linha de produção o mais recente lançamento da Vinícola Garibaldi. Apostando em um novo público e também em um novo mercado de consumo, a empresa situada na capital nacional do Espumante apresenta o Baby, nas versões Moscatel e Brut, em garrafas de 187 mililitros.

Até pouco tempo servidos apenas em comemorações, festividades ou para brindes especiais, os espumantes abrem portas e ganham novos espaços, renovando sua imagem sem perder seu encanto e sedução.

O formato é ideal para ser desfrutado em encontros, baladas, ocasiões informais ou até mesmo na beira da praia ou piscina, em clima de festa e descontração. Mantendo o espírito de fazerem parte de momentos felizes, o novo visual dá versatilidade e charme ao produto para acompanhar seus apreciadores nas mais diversas ocasiões.

Escolha a sua, brinde com os novos espumantes Garibaldi e descubra o aroma que tem conquistado paladares e prêmios no Brasil e no exterior.

Espumante Garibaldi Premium Brut – Elaborado pelo processo charmat, apresenta um visual límpido com coloração branca e reflexos esverdeados. Seus aromas lembram acerola e lima o que favorece para um paladar leve e delicado, proporcionando um suave frescor e vivacidade. Temperatura de serviço –7°C.

Espumante Garibaldi Moscatel – Elaborado através do processo Asti, apresenta um visual brilhante e sedutor com ótima formação de espuma. Seus aromas vivos e potentes lembram melão com um delicado toque floral proporcionando frescor e sutileza ao paladar. Temperatura de serviço –5°C.

quarta-feira, 16 de setembro de 2009

Venda de vinhos gaúchos cresce 13% de janeiro a julho deste ano

Levantamento do Ibravin ainda mostra aumento de 20% na comercialização de espumantes e de 38% no suco de uva nos primeiros sete meses de 2009 em relação ao mesmo período do ano passado

A comercialização de vinhos gaúchos de janeiro a julho deste ano alcançou um crescimento de 13,3% em relação ao mesmo período do ano passado. Conforme levantamento do Instituto Brasileiro do Vinho (Ibravin), foram vendidos 127,9 milhões de litros de vinhos finos e de mesa nos sete meses de 2009, ante 112,8 milhões de litros colocados de janeiro a julho de 2008. Apesar de positivo, o acréscimo nas vendas das vinícolas gaúchas ainda é inferior a anos anteriores, como 2007, 2006 e 2005, o melhor ano da década, com um volume recorde de 143 milhões de litros de vinhos comercializados nos primeiros sete meses do ano.

“Mesmo com o cenário promissor confirmado pelos números, ainda vivemos uma situação preocupante, já que as vendas de vinhos deste ano continuam no mesmo patamar de 2001 a 2004”, alerta o presidente da Agavi (Associação Gaúcha de Vinicultores), Benito Panizzon, membro do Conselho Deliberativo do Ibravin. “Isso quer dizer que, em cinco anos, não conseguimos ganhar nada de mercado”, aponta. A elaboração de vinhos representa cerca de 70% da absorção de uvas produzidas no Estado e é responsável pela maior parcela de faturamento das empresas.


Segundo Benito Panizzon, o aumento do consumo de vinhos sentido este ano em relação a igual período de 2008 deve-se a uma combinação de fatores, a começar pelas ações de divulgação e participações em feiras coordenadas pelo Ibravin. Ele também destaca a entrada em vigor, desde o início do ano, da obrigatoriedade do Selo de Controle Fiscal para as Sangrias e os Coquetéis, que pode estar influenciando o aumento da comercialização de vinhos, especialmente de mesa. “O inverno mais rigoroso dos últimos anos igualmente colaborou para um maior consumo de vinhos, bem como a adaptação dos consumidores quanto à Lei Seca, a constante melhora de qualidade e a confiança que os vinhos nacionais estão conquistando junto às pessoas”, salienta o presidente da Agavi.

O diretor-executivo do Ibravin, Carlos Raimundo Paviani, ressalta dois fatores que podem ser atribuídos ao crescimento da comercialização de vinhos de janeiro a julho: a maior agressividade comercial das vinícolas, participando de eventos e buscando alternativas para a colocação de seus produtos e, ainda, a consolidação do reconhecimento da qualidade crescente dos consumidores brasileiros para os vinhos nacionais.

Importações em queda

Paviani informa que o “fator cambial”, com valorização do dólar frente ao real do ano passado para cá, resultou na queda de 3,6% nas importações de vinhos pelo Brasil. De janeiro a julho deste ano houve a entrada de 26,6 milhões de litros de vinhos de outros países, contra 27,6 milhões de litros que ingressaram no mesmo período em 2008. “É o menor volume de vinhos importados que entrou no Brasil desde 2006”, informa Paviani.

Em relação aos sete primeiros meses do ano de 2007, as importações caíram 9%.
“Com o câmbio desfavorável, os produtos importados perdem parte do diferencial competitivo com os vinhos brasileiros”, observa Paviani. A Argentina sofreu uma baixa de 4,4% nas vendas de seus vinhos ao Brasil. A Itália caiu 20,7%; o Uruguai amargou uma diminuição de 26,4%. As maiores perdas, porém, foram da Alemanha (-76,67%) e da Nova Zelândia (-62,4%).

Espumantes e suco
A comercialização de vinhos espumantes e de suco de uva seguiu a tendência contínua de crescimento. As vendas de espumantes registraram alta de 20% de janeiro a julho de 2009, ante o mesmo período do ano passado. O suco de uva natural/integral fechou os primeiros sete meses do ano com aumento de 38%.

Saiba mais
Os números apurados pelo Ibravin referem-se ao Rio Grande do Sul – responsável por cerca de 90% da produção nacional – conforme o Cadastro Vinícola, mantido em parceria com a Secretaria da Agricultura, Pecuária, Pesca e Agronegócio (Seappa) e o Ministério da Agricultura, Pecuária e Abastecimento (Mapa). As informações não abrangem o restante do País em razão de outros estados brasileiros não implantarem o Cadastro Vinícola.

Fonte: IBRAVIN

segunda-feira, 14 de setembro de 2009

Novidades da Vinícola Garibaldi são apresentadas para Grupo Walmart

A Vinícola Garibaldi participou entre os dias 9 e 11 de setembro do Holiday Meeting 2009, promovido pelo Grupo Walmart Brasil. O evento, realizado no Centro de Eventos da Federação das Indústrias do Estado do Rio Grande do Sul (Fiergs) reuniu clientes, colaboradores e convidados para informar as estratégias da empresa para a época do ano mais sazonal no varejo – Dia das Crianças, Halloween, Natal, Reveillon e Verão.

Em torno de 200 expositores mostraram as novidades de suas marcas aos associados que serão responsáveis pela compra e exposição dos produtos. Deste total, apenas cinco vinícolas foram convidadas. Na ocasião a Garibaldi apresentou sua linha de espumantes, vinhos e suco de uva, além dos produtos premiados em concursos nacionais e internacionais e de sua coleção de orgânicos.

O estande da vinícola recebeu mais de 1.500 colaboradores e associados do Grupo Walmart. Além deles, quem também visitou o estande, a convite da empresa, foram as soberanas da Festa Nacional do Champanha (Fenachamp 2009 – 1º a 25 de outubro), Fernanda Agostini, Adriana Ariotti e Renata Canzi, que participaram do evento para divulgar a maior festa de Garibaldi.

Fonte: Cooperativa Vinícola Garibaldi

Vinícola Aurora é líder em visitações turísticas

Pioneira no Enoturismo da Serra Gaúcha, a maior e mais premiada vinícola brasileira recebeu mais de 39 mil visitantes nesse inverno



A Vinícola Aurora, em Bento Gonçalves, registrou a visita de 39.199 mil turistas em suas instalações (Bento Gonçalves - RS) entre os meses de junho e agosto, resultado muito expressivo que a mantém na liderança no enoturismo entre as vinícolas da Serra Gaúcha.

Pioneira no receptivo turístico entre as vinícolas gaúchas, há 40 anos a Aurora mantém um esquema profissional e organizado para receber os visitantes em sua sede. Conta com uma equipe especializada nesse atendimento, levando o turista a todas as etapas da elaboração dos vinhos. Os profissionais mostram a importância histórica da vinícola -fundada há 78 anos e pioneira também em uma série de inovações tecnológicas para o desenvolvimento dos vinhos de qualidade no Brasil- e os traços culturais da região. Ao final da visitação, todos podem degustar os produtos da vinícola brasileira mais premiada em concursos internacionais e fazer suas compras na loja da Aurora, que passou por ampla reforma e modernização há cerca de 6 meses. Com as inovações recentes, os turistas têm agora mais conforto na área de degustação e melhor acessibilidade em todas as etapas do percurso, com plataformas para cadeiras de rodas, rampas de acesso, elevadores e banheiros especiais.

A Sala de Degustação para grupos fechados foi também inaugurada recentemente e tem capacidade para 26 degustadores, em estações individuais, com luz e demais condições ideais para avaliações mais técnicas. O piso da sala, com detalhes em vidro transparente, permite visualizar as barricas de carvalho francês dispostas na parte de baixo.


Fonte: Fatto

sexta-feira, 11 de setembro de 2009

Você virá para a Fenachamp 2009?

Entonces.... siga a rota dos espumantes:
http://www.rotadosespumantes.com.br/

Ibravin ministrará oficinas de gastronomia com harmonização de espumantes na Fenachamp 2009

O Ibravin (Instituto Brasileiro de Vinhos) irá promover, na Fenachamp 2009, oficinas de gastronomia com harmonização de espumantes. Oriundas da parceria entre Ibravin, Vinhos do Brasil, Senac e Fenachamp, as oficinas mostrarão como escolher o espumante que melhor combina com os determinados tipos de comida. Os participantes poderão seguir as dicas dos sommeliers e adequá-las conforme as suas necessidades cotidianas.

Com 28 anos de história, a Fenachamp, que chega à sua 11ª edição, celebrará a evolução do champanha. A bebida, que antigamente era consumida apenas nas cortes reais, com o passar dos anos, expandiu-se e modernizou-se, passando a ser consumida por todas as classes sociais. Por isso, a Ibravin buscará desvendar às pessoas as técnicas para harmonizar a nobre bebida com a culinária, conhecimento que, até então, era conhecido quase que somente pelos sommeliers.

As oficinas serão realizadas durante evento, que acontecerá de 01 a 25 de Outubro, nos Pavilhões da Fenachamp, em Garibaldi. Os interessados poderão participar dosworkshops na sexta-feira, das 20h às 23h, nos sábados, domingos e no feriado do dia 12 das 10h às 23 h.

Fonte: Fattore Cömunicação Intëgrada

Espumantes do Vale na Fenachamp 2009

Sim, encontraremos espumantes do Vale dos Vinhedos na Fenachamp 2009 que é uma festa digamos assim 'exclusiva' de Espumantes de Garibaldi... Melhor para todo mundo! rs

Segue a nota:

Mais de 30 vinícolas estão confirmadas para participar da Festa Nacional do Champanha (Fenachamp 2009). O evento vai reunir em Garibaldi, entre os dias 1º e 25 de outubro, as empresas responsáveis por cerca de 95% da produção nacional de espumantes e moscatéis, e pelo reconhecimento e fortalecimento do setor no exterior.

A festa também irá reunir a tradição da colonização italiana e agroindústrias familiares em uma vila típica, diversificada gastronomia, shows, feira comercial e industrial, além de possibilitar ao visitante conhecer a cultura, os costumes e as atrações turísticas da região e participar de cursos de degustação de espumantes e gastronomia.

A Fenachamp 2009 terá quatro finais de semana de realização, de sexta a domingo, além da cerimônia de abertura (quinta-feira) e do feriado de 12 de outubro (segunda-feira). Com isso, o evento acontecerá nos dias 1, 2, 3, 4, 9, 10, 11, 12, 16, 17, 18, 23, 24 e 25 de outubro, num total de 14 dias.

TEMA - Tendo como foco a evolução do champanha, a Fenachamp 2009 vai marcar um momento importante para a vitivinicultura brasileira. “As empresas alcançaram desenvolvimento significativo em termos de inovações tecnológicas e manejo dos vinhedos nos últimos anos”, salienta o presidente da festa, Clóvis Furlanetto.

Os resultados são colhidos na forma de produtos de excelente qualidade. "Já possuem notório reconhecimento os espumantes da Serra Gaúcha, pela sua leveza e frescor", destaca a gerente de Promoção Comercial do Wines From Brazil, Andreia Gentilini Milan.

ORGANIZAÇÃO – Diversas comissões estão trabalhando desde o ano passado visando o evento. Dentre elas, a equipe de eventos, que está finalizando a programação oficial que irá oferecer atrações musicais, teatrais, danças folclóricas e modernas, encontro de carros antigos e motos, dentre outros.

Organizada pela Rota dos Espumantes, Prefeitura de Garibaldi e CIC, a Fenachamp 2009 conta com o apoio da Agamóveis, Apeme, CDL, e o patrocínio do Ministério do Turismo, CJ Mármores, Boscaini Construções, Vinícola Garibaldi e Álvaro Coelho & Irmãos.

VINÍCOLAS CONFIRMADAS

Adega Chesini1

Agostini1

Aurora

Bolsoni1

Calza Júnior2

Casa Valduga2

Cave de Pedra2

Chandon

Cordelier2

Courmayeur

Dom Miguel1

Domno

Don Cândido2

Don Laurindo2

Fante

Garibaldi

Gran Legado

La Cantina1

Lídio Carraro2

Milantino1

Miolo

Peculiare2

Pedrucci

Peterlongo

Piacentini1

Pizzato2

Salton

Santa Bárbara1

São Luiz1

Vaccaro1

Vallontano2

1 – Empresas integrantes da AVIGA e 2 – Empresas integrantes da Aprovale


Fonte: Fenachamp 2009

Peterlongo eleita a melhor do país na Argentina

Depois de conquistar a distinção na Itália e nos Estados Unidos, a Peterlongo foi novamente agraciada como a Melhor Vinícola Brasileira. Agora foi durante o 6º Concurso Internacional de Vinos y Licores VINUS. “É um feito inédito para a história da Peterlongo. A premiação é reflexo da qualidade do trabalho que desenvolvemos para levar um produto com requinte e sofisticação aos nossos consumidores” destaca o enólogo Daniel Fornari, responsável pela elaboração das bebidas premiadas da marca. Além do destaque como a melhor do país, a Peterlongo ganhou outras cinco medalhas: ouro duplo com o Moscatel 2008, ouro para o Elegance Champenoise Brut 2007 e prata para o Moscatel Presence Rose 2008 e o Prosecco Brut 2008 e Fino Brut. A mostra foi realizada de 25 a 28 de agosto na cidade de Mendonza na Argentina. O evento contou com a participação de 762 amostras de vinhos provenientes de 28 países

"É Champagne Francês?"

Em visita ao Brasil, staff do presidente Nicolas Sarkozy se surpreendeu com a qualidade do Espumante Casa Valduga Extra Brut

Com bebidas finas presentes entre os melhores espumantes do mundo, a renomada vinícola Casa Valduga acaba de conquistar apreciadores exigentes e com paladares acostumados aos espumantes da tradicional região de Champagne.

Na última segunda-feira, dia 7 de setembro, o staff do presidente francês Nicolas Sarkozy, durante jantar com o governador do Distrito Federal, José Roberto Arruda, pôde provar e comprovar a qualidade indiscutível do premiado Casa Valduga Gran Reserva Extra Brut, servido durante o encontro entre a alta cúpula das políticas brasileira e francesa.

O Gran Reserva Extra Brut é elaborado através do método champenoise, processo usado nas famosas vinícolas da elegante região francesa. Trazendo a sofisticação e os sabores dos espumantes do Velho Mundo, durante o encontro não faltaram integrantes da comitiva de Sarkozy perguntando se a bebida era champagne francês.


ps.: hehe, siiim é muito delicioso! é um espumante com uma delicadeza impar...

quinta-feira, 10 de setembro de 2009

Vinho & Arte 2009

Muito Show essa proposta da Maria Amélia!
ps.: Este ano meu marido e eu fomos convidados pessoalmente pela Maria Amélia. Estou curiosa para ver como funcionam essas palestras. Já ouvi falar muito bem...

Vinícola Aurora reúne-se com importadores em São Paulo

A Vinícola Aurora, que já está presente em mais de 15 países, continua apostando no mercado internacional. De 08 a 10 de setembro, a cooperativa participa da Fruit & Log, Feira Internacional de Frutas e Derivados, Tecnologia de Processamento e Logística, em São Paulo. Durante o evento, a Aurora vai participar de uma Rodada de Negócios Internacionais, com importadores de 12 países.
Uma das grandes novidades promovidas na feira será o Suco de Uva Branco da Aurora. Lançado recentemente no mercado, o produto estará exposto no estande do IBRAF-Instituto Brasileiro da Fruta, no espaço Sucos de Uva do Brasil

quarta-feira, 9 de setembro de 2009

O negócio é passar bem...

Um dos colunistas que mais apreciava, faleceu!
Nota sobre o falecimento de Saul Galvão: http://www.estadao.com.br/noticias/suplementos+paladar,morre-o-critico-saul-galvao,3245,0.shtm
O blog que eu seguia: http://blog.estadao.com.br/blog/saul/

AVIGA promoveu cermônia de premiação dos melhores Vinhos e Espumantes de Garibaldi

No dia 28 de Agosto, no Centro de Eventos da Família Giovanaz, Garibaldi, a Associação dos Vitivinicultores de Garibaldi-Aviga, promoveu a premiação dos melhores vinhos e espumantes do município. Presenças como do prefeito Cirano Cisilotto, presidente da Câmara de Vereadores, Eldo Milani, presidente de Apeme-Associação de Pequenas e Microempresas de Garibaldi, Leonir Nicaretta, do presidente da Fenachamp, Clovis Furlanetto e da Rainha e Soberanas dessa Festa, o presidente da Aviga, Mauro Agostini, abriu as cerimônias e falou do seu entusiasmo em dirigir a entidade embora com dificuldades, mas satisfeito com o desempenho das empresas em busca da qualidade. Agradeceu seus familiares pelo tempo à frente da entidade e, depois, passou a palavra ao enólogo Gilberto Pedrucci que encaminhou as degustações de quatro vinhos e dois espumantes premiados:


Variedades:

Niágara da Vinícola Agostini,

Moscato Giallo da Dom Miguel,

Bordo da Cantina Mânica,

Tannat da Dom Laurindo,

Prosecco da Vinícola Garibaldi

Moscatel daLa Cantina.

Esses foram analisados individualmente por enólogos e, posteriormente, foram entregues os prêmios. As cerimônias foram encerradas com um jantar e muita alegria e brindes.

A relação dos mais pontuados em cada categoria/ premiação:


Ouro/Vinícolas:


Vinícola Vacaro, vinho tinto de mesa seco bordo

Vinhos Dom Laurindo, binho tinto fino seco, Tannat,

Vinícola Vaccaro, Cabernet Sauvignon, vinho tinto fino seco

Vinícola Garibaldi, Merlot, vinho tinto fino seco

Vinícola Garibaldi, Prosecco


Prata/Vinícolas


Vinícola Garibaldi,Niágara

Vinícola Vaccaro, Isabel

Vinícola Milantino, Merlot

Vinícola Garibaldi, Ancelotta

Vinícola Vaccaro, Merlot

Vinícola Batistelo, Merlot

Vinícola Garibaldi, Chardonnay

Vinícola Perini, Brut Champenoíse

Vinícola Perini, Brut Branco

Vinícola Perini, Brut Rosé

Bebidas da Serra, Prosecco

Vinícola São Luiz, Chardonnay

Casa Pedrucci, Brut Branco

Vinícola Agostini, Brut Branco

Vinícola Agostini, Demi-Sec

Vinícola São Luiz, Moscatel

Vinícola Courmayeur, Moscatel.

Fonte: Meus amigos da Vaccaro, aliás parabéns pois vocês estão na lista...

Espumante Aurora Moscatel é " Ouro Duplo" em concurso internacional

Produto mais premiado da Vinícola Aurora e um dos espumantes brasileiros com mais medalhas conquistadas em concursos internacionais recebe mais essa distinção entre 762 vinhos participantes

O espumante Aurora Moscatel acaba de conquistar mais uma medalha em concurso internacional entre as dezenas já conquistadas em sua história de sucessos. Desta vez foi uma medalha Ouro Duplo no Vinus - 6° Concurso Internacional de Vinos e Licores, realizado em Mendoza, na Argentina. O evento contou coma participação de 762 vinhos de 28 países e com 31 amostras de licores de 10 países.

O Espumante Aurora Moscatel é elaborado com uvas Moscato em processo semelhante ao dos Asti italianos, em que parte do açúcar da uva não se transforma em álcool, gerando uma bebida refrescante, naturalmente doce e com menor teor alcóolico em relação aos demais tipos de vinhos. É indicado para acompanhar sobremesas (em especial as à base de frutas), além de frutas secas e in natura. Fica muito bom com alguns queijos, em especial os mais salgados.
Pode ser encontrado no varejo especializado de todo o Brasil e nas lojas das grandes redes.

Fonte: Cooperativa Aurora

terça-feira, 8 de setembro de 2009

Produtos da Vinícola Garibaldi são apresentados na Expointer

Os mais recentes lançamentos da Vinícola Garibaldi foram apresentados na quarta-feira, 2 de setembro, na Expointer, em Esteio. Através de uma parceria entre a empresa, a Organização das Cooperativas do Estado do Rio Grande do Sul (Ocergs) e a Federação das Cooperativas Vinícolas do Rio Grande do Sul (Fecovinho), foi realizado um evento reunindo associados das duas entidades e convidados.

Na ocasião, os presentes conheceram os espumantes “baby’s” Premium Brut e Moscatel (garrafas de 187 mililitros) e o vinho Cabernet Sauvignon Orgânico (Da Casa). A preocupação com a qualidade dos produtos desde a matéria-prima, os métodos de elaboração e as premiações recentes da vinícola, além de um audiovisual demonstrando a estrutura da empresa, também foram apresentados.

Durante o dia, vinhos da Vinícola Garibaldi também foram servidos durante o almoço da diretoria da Ocergs com o Secretário de Relações Institucionais e anunciado no mesmo dia como diretor do BRDE, Celso Bernardi.